Transformação Ágil: algumas dicas por onde começar

O que significa Transformação ágil ?

Os valores da metodologia estão vinculados a mais interação entre pessoas, colaboração com cliente, responder bem a mudanças e foco no produto funcionando. Quando falamos nesses valores e avaliamos o modelo onde empresas ainda focam em contratos bem amarrados, processos burocráticos que não fazem sentido, planos de anos que ao chegar ao final já não tem mais o mesmo propósito, parece que faz mais sentido o motivo da necessidade da mudança. Eu particularmente acredito que nenhum modelo de negócio se sustenta com antigas metodologias, estão fadadas a diminuir seu faturamento ou até mesmo falir.

Vamos partir do significado da palavra transformação : ato ou efeito de se transformar ..(físico) qualquer alteração no estado de um sistema.
Agora vamos avaliar o significado do ágil, onde o significado que procuramos não está relacionado a ser rápido e sim ao conceito gerado pelo manifesto ágil em 2001, onde foi criada por um grupo de pessoas diferentes formas e conceitos de trabalho. Esses conceitos foram baseados em valores e propósitos onde está de fato o que queremos transformar. (Se quiser saber mais sobre o assunto segue o link https://www.manifestoagil.com.br)

Resumindo.. transformação ágil está relacionada a uma nova cultura de trabalho e relacionamentos, por isso ela pode estar atrelada a qualquer área, como exemplos Marketing, Publicidade e propaganda, Financeiro, Compras,Recursos humanos e Tecnologia.

Quem pode ajudar ?

paula martins

A consultoria do coaching nesse caso tem um olhar externo mais efetivo das questões culturais e mapear por onde começar. O processo é feito inicialmente com uma avaliação do momento atual, entendendo os pontos que necessitam ser trabalhados para conquistar a transformação. Esses passos dependem de cada consultor, normalmente estão atrelados a treinamentos e com continuidade de coaching.

Na agilidade a necessidade de mudar nem sempre está só vinculado a pessoas e processos, mas também à questões de infraestrutura e qualidade, onde se investe em ferramentas efetivas e uma arquitetura que apoia processos menos manuais, mais automatizadas.
Por isso o acompanhamento deste profissional é tão importante, para que de fato seja conquistado a transformação e não apenas baseado em adoção com mudança de processos e ferramentas. A transformação é aderida quando as questões comportamentais atreladas “a significação” que citamos no inicio deste artigo seja algo natural na empresa, não apenas executada por uma área. Ambientes abertos que recebem bem críticas construtivas, onde há colaboração para um propósito comum, costumam estimular novos comportamentos, além da liderança construtiva, que gera confiança, divide responsabilidades gerando engajamento.

Dicas gerais de aprendizado

As maiores dificuldades para transformação estão normalmente relacionadas ao mindset e comportamento das pessoas, mudar processos e rotinas de trabalho tiram as pessoas da zona de conforto, revelando pessoas resistentes. O coaching deve estar focado para que essas pessoas entendam o real valor e ganhos nestas mudanças e não disseminem conflitos.
Outro ponto significativo é o modelo de liderança e hierarquia que tendem ser resistentes por ter a ideia de perder o poder do controle sobre todas as coisas.

A agilidade traz no seu conceito que as pessoas sejam comprometidas com o que fazem, tendo assim responsabilidades pelas seus atos, pensar em trabalhar colaborativamente o tempo todo gerando melhoria contínua. Enfim processos menos burocráticos, foco na colaboração com cliente, documentar o que é importante, pessoas bem preparadas e qualificadas, investimento em qualidade, geram menos retrabalho , custo e clientes mais satisfeitos! 🙂